Crianças asseguram que viram a Virgem Maria na Índia

Crianças em idade escolar, tanto hindus como católicas, asseguraram ter visto uma aparição de Cristo e várias aparições da Virgem Maria, acompanhada por um cheiro de jasmim.

O local das supostas aparições é a igreja e escola primária de Santo Ambrósio, em Edavanakkad, no extremo sudoeste do estado indiano de Kerala. A paróquia e a escola contígua estão sob a jurisdição da Arquidiocese de Verapoly.

As supostas aparições marianas ocorreram em pelo menos duas datas diferentes.

De acordo com o site ‘Matters India’, Pe. Merton D’Silva, da Igreja de Santo Ambrósio, disse que as autoridades arquidiocesanas adotaram uma abordagem de “esperar e ver” antes de intervir no caso.

O ‘Matters India’ informou sobre as aparições com base a uma nota publicada pelo Pe. Mathew D’Cunha na paróquia.

As aparições começaram supostamente em 28 de setembro, quando uma aluna da escola, uma menina hindu chamada Krishnaveda, dirigiu-se à igreja para rezar por um problema no seu ouvido. A menina colocou água benta no ouvido e assegurou que imediatamente sentiu alívio.

Quando as crianças saíram da escola para rezar na igreja, olharam para cima e asseguraram que viram no céu Cristo sendo açoitado. Os menores pronunciaram o nome de Jesus e entraram no templo para agradecer a Deus por curar o ouvido da sua colega.

A única menina católica entre eles, Ambrosiya, se ofereceu para guiar a oração do rosário, mas, sem saber de memória os Mistérios Luminosos que são rezados nas quintas-feiras, pediu ajuda a um professor.

Uma das meninas, chamada Anusree, disse ao professor que a Virgem Maria estava parada embaixo do altar. Além disso, os menores asseguraram que sentiam cheiro de jasmim.

A suposta aparição teria dito às crianças que se aproximassem, o que assustou uma menina chamada Sivanya, que disse que queria ir embora.

Enquanto o professora tirava os alunos da igreja, as meninas asseguraram que a aparição as seguiu e pediu que não fossem embora.

O professor contou para os outros professores, enquanto algumas crianças procuraram o Pe. D’Silva.

Quando o sacerdote levou as crianças novamente à igreja a fim de que pudessem rezar, as crianças asseguraram ver a Virgem Maria sob o altar. Os adultos não podiam ver nada.

Segundo as crianças, a aparição lhes prometeu ajuda nos seus estudos e prometeu enviar-lhes o Espírito Santo. Assim como levá-los ao céu.

Quando as notícias das supostas aparições se espalharam, muitas pessoas começaram a se reunir no templo.

Em 3 de outubro, uma grande multidão rezou o rosário na igreja, junto com os supostos videntes. Depois de alguns minutos, todos sentiram o cheiro de jasmim e as crianças asseguraram que novamente viram a Virgem Maria.

Um sacerdote perguntou às crianças se podiam indicar o ponto exato. Os fiéis viram uma luz brilhante e o sacerdote disse que sentiu alguém acariciando a sua cabeça.

Muitas pessoas entre os fiéis disseram que receberam o dom da contrição, da dor pelos seus pecados, enquanto rezavam.

Retirado de ACI Digital